Pages Menu
TwitterFacebook
Categories Menu

Posted by on ago 24, 2018 in Sexta de ideias | 0 comments

Beija eu… Beija eu…

Beija eu… Beija eu…

Você já escolheu seus candidatos às próximas eleições?

Pois eles já escolheram você, desde o dia 16.

É um tal de “beija eu…beija eu…” gente ligando, gritando e declarando amor eterno a quem mal conhece ou sabe o nome.

Geração de “Leads” dispersiva e que acaba mais irritando que seduzindo. Beijo molhado e sem emoção.

Mas será que gerar “leads” pode ser um exercício prazeroso e eficaz? Sem gente chata te ligando e dizendo “eu te amo” após 10 segundos de conversa?

Creio que sim.

Uma das canções mais populares dos Tribalistas, anunciava em alto e bom som…

”Eu sou de ninguém. Eu sou de todo mundo. Todo mundo me faz bem”.

Sempre que a ouço, fico pensando em alguém que é de todo mundo, que agrada a todos.

Quase impossível.

Se você agrada a todos, corre o risco de também agradar a ninguém.

“Lead” é foco, é escolha de um público capaz de perceber e reconhecer benefícios em sua oferta.

“Lead” é sondagem, é o empenho em se aproximar e entender por que esse público deveria e poderia se interessar pela sua oferta.

“Lead” é relacionamento, é desenhar um ciclo de ações capazes de conquistar e reter os clientes.

Não vejo nada disso nesses candidatos que vão nos atormentar até o dia 07 de outubro.

Todos prometem tudo a todos… Sei não…

Melhor ficar com Marisa Monte nos pedindo… Beija eu…Beija eu…

Diretor de atendimento e planejamento da Fine Marketing, especialista em comunicação dirigida e varejo. Atua também como consultor em treinamento de equipes comerciais.

Post a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pin It on Pinterest

Share This